Como Começar      Casas Seguras      Como Comprar      Dicas de Trabalho      Materiais      Poupança      Reparar Equipamentos

Conserto de Tubagens – encanamentos

Como consertar canos com vazamento, com suor e congelados

A maioria dos problemas de encanamentos acontece nas peças de fixação, como pias, banheiras e vasos sanitários ou próximo deles. Entretanto, algumas vezes os canos são a causa do problema. Eles podem vazar, suar, congelar ou fazer muito barulho. Começaremos com os canos que vazam, suam e congelam.

Vazamentos em canos

Existem muitos tipos de vazamentos. Alguns podem inundar sua casa, ao passo que outros não. O procedimento para controlar um vazamento depende do tipo do vazamento. Se ele for numa ligação, aperte-a. Se for num cano, tire o pedaço que estiver vazando e substitua por um novo. Infelizmente, isso é mais fácil de falar do que de fazer. Por exemplo: quando você gira um cano de aço galvanizado para desparafusá-lo em uma extremidade, você o aperta na outra extremidade. Quando usamos canos de cobre, o novo pedaço deve ser soldado por fusão. É melhor deixar que um encanador faça a maioria dos trabalhos de substituição de canos, mas se você for adepto do “faça você mesmo” considere uma alternativa: o conserto do cano.

Você encontra kits para conserto de vazamento em lojas de ferragens ou pode fazer um com um pedaço grosso de borracha de uma câmara de ar e uma braçadeira C. Outra possibilidade é usar uma braçadeira do mangote com borracha. Kits industrializados contêm um calço de borracha que é colocada em cima do buraco e placas de metal que pressionam esse calço no buraco.Um jeito rápido e fácil de parar um vazamento.

Há muitas formas de parar o vazamento de um cano. Para um remendo temporário, use um pedaço grosso de borracha e braçadeiras do mangote (parte superior) ou um calço de borracha e duas placas que se prendam juntas (parte inferior).
Outras formas de parar vazamentos de canos incluem passar fita à prova d’água sobre o furo ou raspar o furo, aplicar pasta epóxi ou inserir um “tampão” no buraco são outras alternativas. Antes de começar a usar a fita à prova d’água, garanta que secou bem o cano antes. Coloque a fita a uma distância de aproximadamente 5 ou 7,5 cm antes e depois do buraco. Para pequenos vazamentos em canos, use um composto disponível na maioria das lojas de ferragens. Simplesmente raspe o composto em cima do furo para parar o vazamento. Ele pode parar pequenos vazamentos com a água ainda correndo no cano. A pasta epóxi só pode ser aplicada em canos secos e o fornecimento de água precisa ser interrompido. O problema é que um cano que começa a vazar num lugar normalmente começa a vazar em outros lugares também. Você pode consertar um ponto e o cano estourar em outro ponto qualquer. Especialmente nos casos em que o vazamento é resultado da corrosão, provavelmente todo o cano precisará ser substituído. Esse é o trabalho para um encanador profissional. Canos suados Às vezes há tanta água gotejando de um cano que você tem certeza de que há um vazamento em algum lugar. Depois de um exame mais detalhado, pode descobrir que não há vazamento e sim suor (ou condensação) no cano.

O suor acontece quando a água que está dentro do cano é muito mais fria do que a umidade do ar ao redor. Durante o verão, o ar normalmente é quente. No inverno, o ar é aquecido pela fornalha. Em qualquer caso, quando está quente, o ar úmido atinge os canos frios, o que forma gotas de água e faz parecer que há um buraco no cano. Uma forma eficaz de controlar esse problema é isolar os canos. Existem muitos tipos de fitas auto-adesivas grossas para interromper vazamentos, projetadas para aderir facilmente em canos problemáticos. Antes de colocar a fita, seque bem o cano. Enrole a fita de forma que ela cubra completamente o cano e as ligações. Você não deverá mais ver sinais de suor. Canos congelados Você pode achar que seu encanamento está em perfeita ordem e que há pouca ou nenhuma chance de um cano estourar e inundar sua casa. Entretanto, existe uma situação que você pode não ter considerado: a água que congela durante o inverno num cano desprotegido se expande, e essa expansão pode romper um cano.
Um cano congelado sempre é um inconveniente, mas pode gerar uma situação muito mais séria do que a perda temporária de água. Tomando as devidas precauções, você pode nunca ter que se preocupar em degelar canos congelados, nem consertar um cano que estoura quando a água que está nele se congela. Segue o que fazer se você encontrar um cano congelado: 1º passo – abra a torneira para que o vapor produzido por suas atividades de degelo consiga sair. 2º passo – comece a degelar o cano (veja as opções de degelo de canos) pela torneira e vá até a outra extremidade do pedaço congelado do cano. Uma vez derretido o gelo, a água e o vapor sairão pela torneira. Se você começou pelo meio, o vapor produzido pelo gelo derretido pode ficar preso e formar pressão o suficiente para estourar o cano.

Opções de degelo de canos: existem várias coisas que você pode fazer para degelar os canos de sua casa.

• Provavelmente, a opção mais conhecida e mais segura para degelar canos é a utilização de água quente. Enrole uma toalha grande ou saco de pano de juta no cano para concentrar e manter o calor em contato com ele, coloque um balde embaixo do cano para que a água caia nele e jogue água quente ou fervendo na toalha.
• Outra fonte de calor para degelar canos que faz bem menos bagunça, mas é bem mais perigosa, é uma tocha de propano, equipada com um bocal ampliador das chamas. Você tem de tomar muito cuidado com essa fonte de calor, para evitar danos ou incendiar a parede que está atrás do cano. Um pedaço de material à prova de fogo entre o cano e a parede é uma boa medida preventiva, mas a forma como você usa a tocha é o elemento principal para o degelo seguro neste caso.

Movimente a chama para trás e para frente. Nunca a deixe em apenas um ponto por muito tempo. Tenha cuidado especial se você estiver perto de qualquer junta soldada do cano. Passe por elas bem rapidamente; caso contrário, poderão causar vazamentos e você terá problemas de encanamento mais sérios.

Cuidado: nunca use tochas ou altas fontes diretas de calor em canos de plástico.
• Se você quer evitar a bagunça de degelar o cano com água quente e o perigo de fazê-lo com tochas, use a lâmpada de calor ou o secador de cabelos como fontes de calor. Eles funcionam mais devagar, porém são bem mais seguros.

Para degelar canos de esgoto, insira uma mangueira de jardim no cano. Quando você não conseguir mais empurrá-la para frente, é porque provavelmente ela atingiu o gelo. Levante sua extremidade da mangueira e coloque água quente nela por um funil. Desse jeito, a água quente atingirá a área, mas é preciso ter muito cuidado ao usar essa técnica. Até que o gelo derreta e desça pelo cano, a água quente que você está colocando pode voltar e cair em você. Tenha um balde para colocar a água que voltar e tome cuidado para não se queimar. Talvez o problema mais comum com os canos seja o barulho. Na próxima seção, diremos como lidar com canos barulhentos.

Sem Comentários para “Conserto de Tubagens – encanamentos”

Deixe um Comentário:

Nome (obrigatório):
Mail (não será publicado) (required):
Website:
Comentário (obrigatório):
XHTML: Usted puede utilizar el siguiente: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Quero fazer uma pesquisa por: