Necessito de Conselhos para uma boa alimentação

Dez conselhos simples para uma boa alimentação

1. Limite as calorias provenientes do consumo de gorduras a menos de 30% da sua ração calórica total. Para isso, coma carnes magras, carne de aves (frango, galinha) sem pele, peixe, produtos lácteos desnatados ou magros. Além disso, reduza o consumo de gorduras, sobretudo de manteiga, natas, maionese e fritos.
Desse total de gorduras, elimine, tanto quanto possível, as gorduras saturadas, que se encontram sobretudo na carne e nos produtos de origem animal e, também, em certos óleos exóticos, como o óleo de palma.

2. Tenha cuidado com o consumo de colesterol. Os géneros de origem animal, como a came e os ovos, são ricos em colesterol.

3. Adicione à sua ementa hidratos de carbono complexos. No total, os hidratos de carbono devem representar, pelo menos, 55% do seu consumo diário de calorias.
Procure, por isso, consumir frutos e legumes em quantidade suficiente, sem esquecer as leguminosas, o pão e os pratos à base de cereais integrais. Isso satisfará também as suas necessidades de fibras, vitaminas e minerais. Os citrinos (laranjas, limões, toranjas), os legumes de folhas verdes, as cenouras, os tomates, as couves, as couves-flor e os brócolos parecem ser úteis na prevenção de diversos tipos de cancro.

4. Modere o seu consumo de proteínas animais.
O valor máximo nunca deveria ultrapassar 10 a 12% do consumo diário total de calorias.
Se possível, coma carne apenas uma vez por dia e, mesmo assim, em quantidade moderada.

5. Faça uma alimentação variada. Assim, terá a certeza de consumir toda a gama de nutrientes necessários. Coma alimentos crus e cozidos. Lave-os bem, a fim de eliminar os vestígios de pesticidas.

6. Não ponha mais sal na comida além do estritamente necessário. Prove os alimentos antes de se servir do saleiro. Quanto aos preparados industriais, consulte o rótulo. Cuidado com os aperitivos, geralmente bastante salgados e, de um modo geral, com as refeições ligeiras.

7. Beba leite (meio-gordo) todos os dias, para garantir o consumo de cálcio, independentemente da sua idade. Se não gosta de leite, substitua-o por iogurte natural (magro).

8. E inútil empanturrar-se de suplementos alimentares, quer se trate de fibras, vitaminas ou minerais. Uma alimentação equilibrada e variada satisfaz, facilmente, todas as necessidades.

9. Vigie o seu peso e faça exercício. Este último é um excelente complemento da alimentação sã. Voltaremos a este assunto num dos próximos capítulos.

10. Se é verdade que um “copito” pode ajudar a suportar melhor as contrariedades do dia-a-dia, vários “copitos” podem, por sua vez, agravá-las bastante.
Por isso, é conveniente não ultrapssar 25 a 50 gramas de álcool puro por dia, ou seja, conforme se seja mulher ou homem, sedentário ou activo, nunca exceder,  respectivamente, um quarto ou meio litro de vinho com 12o, ou 2 ou 3 cervejas de 33 centilitros.
Para satisfazer as suas necessidades de líquidos, reduzindo ao mesmo tempo o consumo de bebidas alcoólicas, experimente beber um copo de água antes de beber uma cerveja, um copo de vinho ou um whisky.

Deixar Comentário