Como remover estuque ou betume

O estuque é uma antiga técnica de pinturas em paredes. Essa técnica consiste em deixar a parede com pequenos relevos, manchas e coloração, conseguido graças aos materiais utilizados.

São vários tipos de materiais desde a massa corrida à cola branca e cera de abelha. Os primeiros materiais utilizados foram uma mistura de cal, água e pigmentos retirados da terra. Actualmente esses materiais foram substituídos e os mais famosos estuques como o Veneziano e o Fiorentino, são feitos com uma mistura de massa corrida a base PVA ou Acrílica, cola branca, corantes, água e gesso para estuque. Essa é uma mistura tradicional pois além desses materiais, poderão ser usados o pó de mármore,  a areia fina, a cera de abelha ou qualque outro material que possa dar um relevo ou efeito desejado. O relevo do estuque Fiorentino é conseguido através da sucção da desempenadeira na massa corrida e depois passado novamente e suavemente para retirar os excessos

Remover estuque ou betume é uma das tarefas mais difíceis. Devido à variada tecnologia de ponteiras as unidades falch remover-se remover betume tanto de superfícies metálicas como de superfícies minerais. As camadas de revestimento de betume removidas podem ser capturadas por um simples sistema de filtragem  e ser de novo introduzidas no circuito de material.

Um abre garrafas com uma extremidade pontiaguda pode ser útil para remover estuque solto de uma parede ou de um tecto antes de betumar. É ideal para alargar pequenas fendas ou buracos por forma a permitir que a nova camada de massa adquirir uma melhor aderência. Em azulejos ou mosaicos é ideal para remover o betume velho das juntas em casas de banho, pavimentos e cozinhas.




Deixar Comentário