Como poupar na fatura da luz

Todos nós podemos, no nosso dia-a-dia, adotar ou alterar hábitos e gestos para aprendermos como poupar na fatura da luz, reduzindo-a consideravelmente. Não só estaremos a diminuir o consumo energético, como estaremos a poupar e a contribuir para a preservação do meio ambiente.

Para sabermos como poupar na fatura da luz, os conselhos e dicas recaem, principalmente, no uso que fazemos dos eletrodomésticos. E isto pode ser mais fácil do que pensamos.

lamp bulb tulips

 

Dicas de poupança

  • Comece por apagar todas as luzes de uma divisão sempre que sair dela, mesmo que tencione voltar.
  • Também poderá começar por substituir todas as lâmpadas em casa, por lâmpadas economizadoras e de baixo consumo. É verdade que são mais caras, mas é um investimento que se reverterá em poupança na fatura da luz, pois consomem seis vezes menos energia.
  • Também poderá tornar hábito desligar todos os aparelhos eletrónicos em vez de os deixar apenas em standby. Lembre-se que a luz de presença das televisões, computadores e de outros aparelhos continua a consumir 25% de energia.

Mas há mais formas de reduzir os custos de eletricidade em casa e, assim, poupar na fatura da luz.

  • Uma delas passa por ter reguladores de intensidade de luz ou por optar por uma iluminação direcionada, com pequenos pontos de luz, que acendem consoante as necessidades.
  • Por outro lado, pode escolher a tarifa e potência que mais se adequam às suas necessidades, junto da entidade que lhe fornece a eletricidade.
  • Deve retirar os carregadores de bateria da tomada, caso contrário irá permanecer o gasto energético.
  • Se tiver chegado a altura de comprar um novo eletrodoméstico, tenha em mente que estes aparelhos são responsáveis pelos consumos mais elevados de uma habitação. Assim, saiba que deverá escolher os equipamentos com etiquetas energéticas, de preferência entre o A e o A+++. Para quem não sabe, os computadores portáteis são bastante mais económicos, podendo mesmo chegar a reduzir os consumos em 90%.
  • Mas, é na cozinha que existe a maior fonte de poupança na fatura da luz. Assim, comece por, sempre que lhe for possível, preparar as refeições no microondas, o que lhe vai permitir uma redução de 70% do consumo quando comparado com o uso do fogão.
  • Caso nunca tenha pensado nisso, saiba que o motivo porque deverá manter o frigorífico e arca congeladora longe das janelas, portas e fogão, é simples: implica um consumo extra de energia, logo, a gastos extra, o que também vai acontecer se, no frigorífico for guardar alimentos ainda quentes. Não se esqueça, ainda, de fazer limpezas regulares ao congelador, para que o gelo em excesso seja removido.
  • Certifique-se de que portas e janelas estão devidamente isoladas. No caso de mudar ou limpar os filtros de ar condicionado mensalmente, estará a poupar até 20% de energia.

Com estas dicas simples vai conseguir poupar na fatura da luz.

Deixar Comentário