Reparação de Paredes e Tectos

Como fazer a reparação de paredes e tectos

Antes de se dedicar à decoração, como a pintura ou a colocação de papel para o revestimento de paredes, os tectos e as paredes devem estar em perfeitas condições, se quiser obter os melhores resultados, uma vez que todos os defeitos serão visíveis. Isto significa encher rachas, fendas ou outras imperfeições, de modo a obter uma superfície lisa. Felizmente existe uma excelente gama de produtos para pôr fim a esses defeitos.

Encher buracos

Os buracos pequenos, especialmente os que são deixados por parafusos, podem ser enchidos da mesma forma do que as rachas. Retire tomadas de parede mais salientes para um melhor acabamento. Os buracos maiores são problemáticos. O tipo de buraco deixado ao retirar-se um cano de uma parede pode ser reparado com um reboco feito por si, que pode ser aplicado normalmente em camadas até 50 mm. Os orifícios mais pequenos, até 20 mm de profundidade, podem ser tratados com uma massa de enchimento especial, enquanto os buracos fundos podem ser preenchidos com uma massa de enchimento de espuma expandida. Depois de seca, esta pode ser cortada e passada a lixa, depois pintada ou forrada a papel. Se tiver caído da parede uma parte de reboco, use um estuque de reparação, nivelando-o com a parede circundante com um pedaço de madeira plano. Para as áreas maiores, pregue ripas de madeira à parede para servirem de guias para a régua de madeira.

Nota

• Se reparar uma aresta rebocada, coloque uma ripa num dos lados desta para segurar a massa de enchimento enquanto esta seca. Para todos os cantos, use um rebordo de metal fixo com reboco.

Encher rachas

Existe massa de enchimento de utilização geral para a maioria das rachas de tectos e paredes. Esta já vem preparada em tubos ou em pó para misturar com água. A massa de enchimento é aplicada simplesmente com uma espátula, pressionando-a para dentro das rachas e alisando-a na superfície. Algumas rachas necessitam de ser ligeiramente alargadas para dar à massa de enchimento algo a que se fixar; nas rachas mais finas pode usar-se uma massa especial de enchimento de traço. As massas de enchimento normais são adequadas se forrar o tecto ou a parede com papel, mas, para a tinta, é aconselhável uma massa de enchimento fina. A maioria das massas demora um pouco a secar, após o que podem ser lixadas e niveladas. As massas de enchimento instantâneas secam rapidamente e são adequadas para reparações de última hora, enquanto está a pintar ou a forrar com papel de parede. Muitas destas massas de enchimento também são adequadas para madeira e para estuque – desde que a madeira seja pintada – por isso, a massa de enchimento para rachas e para buracos pode ser aplicada de uma só vez, dado que o material é o mesmo. Para rachas entre dois materiais diferentes, por exemplo, o reboco da parede e a arquitrave de madeira que emoldura a porta, deve utilizar uma massa de enchimento flexível. Esta vai acompanhar o movimento inevitável entre os dois materiais sem abrir.

Reparar ripas e reboco

Os buracos em tectos e paredes de ripas e reboco podem ser reparados da mesma forma do que os buracos em superfícies rebocadas normais, desde que as ripas estejam intactas. Primeiramente, pincele as ripas com cola de acetato de polivinilo para reduzir a absorção, depois repare com massa de enchimento normal, especial ou reboco de reparação. Se as ripas estiverem partidas, retire o reboco até deixar completamente à mostra as vigas verticais. Corte um pedaço de pladur com o tamanho ideal e pregue-o no lugar antes de encher com massa.

Reparar placas de pladur

As fendas e os buracos pequenos neste tipo de superfície podem ser reparados da mesma forma do que as rachas e os orifícios no reboco sólido, mas se tiver sido feito um buraco maior no material -por exemplo, por um puxador de porta -é requerida uma solução diferente. Neste caso, coloca-se um remendo por trás do buraco para fornecer um suporte para a camada de massa de enchimento. Primeiramente, use um serrote de ponta para abrir o buraco em forma de quadrado. Depois, corte uma secção de pladur com um comprimento ligeiramente menor do que a diagonal do buraco. Isto permitir-lhe-á passá-lo através do buraco num determinado ângulo. Faça um pequeno orifício no meio do remendo de pladur e insira um pedaço de fio através deste antes de aplicar massa de enchimento ou colar as extremidades na parte cinzenta do quadrado de pladur. Isto vai segurá-lo firmemente à parte de trás do painel já existente. Passe o remendo através do buraco e puxe-o contra as extremidades do buraco. Mantenha o fio esticado enquanto aplica massa de enchimento no buraco, depois deixe secar. Corte o fio e aplique uma camada final de massa de enchimento ou de reboco de acabamento, assegurando-se de que a superfície está nivelada.

Ocultar as junções do tecto com a parede

Existem sancas de gesso polistireno, de reboco ou de madeira para aplicar entre as paredes e o tecto de uma divisão. Possuem duas funções: são decorativas e servem para esconder a união entre as paredes e o tecto. Também se chama cornija a uma sanca decorativa; as cornijas antigas de estuque podem estar cobertas por muitas camadas de pintura e podem precisar de ser limpas para se verem os pormenores.




5 Comments

  1. Rogerio Responder
  2. lucia Responder
  3. Paulo Responder

Deixar Comentário