Iluminação da Piscina

  • on 26 de julho de 2011

Hoje em dia, a maior parte das piscinas são construídas já com luzes embutidas no seu interior. Além de ficarem mais bonitas e darem um ar mais estético, a iluminação da piscina ajuda a iluminar quem queira dar um mergulho durante a noite. Este sistema de iluminação usa lâmpadas incandescentes que são seladas num dispositivo à prova de água…

Como iluminar a sua piscina

A iluminação da piscina é opcional, não sendo obrigatório, mas devido à relação custo-benefício, dificilmente hoje em dia alguém constrói uma piscina sem a colocação de reflectores ou iluminação interior.
Além do efeito altamente decorativo, que beneficia também a área de lazer, a iluminação de uma piscina permite ainda a prática de natação e prática de actividades mesmo a noite com a piscina toda iluminada.

Como funciona a iluminação

A iluminação debaixo de água é muito comum. Para isso usam-se lâmpadas incandescentes que são seladas num dispositivo à prova de água. Este dispositivo irá ficar no interior da parede da piscina.

A electricidade

O cabo eléctrico para fazer a ligação e dar luz ás lâmpadas é convenientemente  isolado através de um selo especial, para que a água não entre em contacto com a electricidade. Outra opção para para fazer a iluminação da piscina  é usar fibras ópticas. Ao usar este sistema de iluminação não precisa de embutir as lâmpadas debaixo de água evitando assim de trocar as lâmpadas e todos os acessórios eléctricos correspondentes a todo o sistema.

  • Realmente uma piscina iluminada valoriza muitíssimo, mas aconselhamos utilizar as modernas luminárias LED, que são mais eficientes, seguras (12v) eduráveis. Para a melhor iluminação para piscinas, consulte a Ecopyre, uma empresa especializada em projetos de iluminação LED e fabricação de luminárias de alta qualidade e performance. ecopyre.com (11) 3021.1493.

    Ecopyre 11 de fevereiro de 2012 13:28 Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *